Cristina Amaro
Está a ler

Uma saltada à Riviera Italiana

0
As marcas

Uma saltada à Riviera Italiana

A visita de 24 horas deu para pouco. Mas foi o suficiente para me apaixonar por este lugar que mais parece um cartão-postal! E ainda houve tempo para um mergulho…

Tive a sorte de dar um salto à costa da Ligúria com a minha equipa de reportagem. Aproveitámos cada minuto, num corre-corre que só visto. Mas conseguimos gravar o fecho da emissão que nos levou à MICAM, em setembro. Mesmo não tendo rede nem tempo… Em televisão gostamos de planear tudo ao segundo, mas por vezes o melhor é mesmo deixarmos acontecer. Não sabíamos para onde íamos. Se teríamos tempo para parar e gravar, com os detalhes que gostamos de cuidar. Sabíamos apenas que era um passeio de barco. E que bom que foi passear por ali…

Trago destes momentos o alimento para a minha alma! São verdadeiros balões de oxigénio e garanto que em muitos casos me trazem soluções mágicas para os desafios que tenho em mãos.

Ir a Rapallo, Portofino e San Fruttuoso foi um bálsamo. Mergulhar no mar Mediterrâneo, numa escapada que me fez correr para fazer a mala e sair do quarto quase com a escova de dentes na mão, acordar cedo e deitar-me muito tarde para escrever, editar textos e imagens, organizar vídeos e fotografias (ufa!) valeu mesmo muito a pena. Deixo aqui um minirroteiro para quem queira lá dar um salto também.

Hotel em Rapallo

Vale a pena ficar no EXCELSIOR PALACE. Tem um preço acessível e está a pouco mais de 15 minutos de carro de Portofino. O hotel tem preços na ordem dos 150 euros/noite e vale a pena pelo enquadramento e pelo acesso ao mar e à piscina. Os preços do restaurante-bar é que não são propriamente recomendáveis. Vale mais sair e comer qualquer coisa nos arredores, aproveitando para passear na zona junto à marina e pelas ruas de Rapallo, que são de encantar. Fica a referência: uma refeição rápida e ligeira para três pessoas, só com sandwiches e sumos, chega perto dos 100 euros. Qualidade-preço deixa a desejar. Mas o resto bate tudo… e perdoa-se a experiência menos boa pelas tantas outras positivas. Recomendo um mergulho com pausa nos colchões que se encontram espalhados pela zona balnear, mesmo em frente às espreguiçadeiras da piscina. O embalo e o som do mar são top! Vá preparado para limpar os “rastos” das gaivotas 😉

Passeio pela marina de Portofino

Se lá estiverem os iates que eu encontrei, limpe a memória da sua máquina fotográfica, do seu telemóvel ou do que quiser usar para fotografar… porque vai querer registar todos os pormenores daqueles monstros marinhos de luxo! A marina de Portofino é seguramente um porto de abrigo para grandes viagens e é fácil perdermo-nos de encanto. A luz do pôr do sol é maravilhosa. Aproveite bem…

E, sim, jante por lá. Num clima romântico a dois ou em grande festa com amigos, o ambiente é memorável e muito convidativo.

San Fruttuoso

“You are so lucky, guys”, disse-nos a guia. O motivo? Sol, meia dúzia de pessoas, um ou dois barcos, praia vazia e calor… muito calor… A mim e à minha equipa faltou-nos apenas o fato de banho, que não foi connosco por estarmos a trabalhar. E que pena tive!! Ainda procurei um biquíni na única barraquinha de venda na praia, mas só havia más opções… Não comprei e fui ao mar no dia seguinte. Com o meu, que estava no quarto e podia esperar.

Molhei os pés e a água era de perder a cabeça! Como me apeteceu tropeçar numa rocha e cair sem querer 😉 Não tropecei mas guardei na memória o desejo de um dia lá voltar. Com tempo. Sem mochila às costas. Livre!

Setembro é uma boa hipótese. Em pleno verão, está cheio. A partir de outubro, já depende das marés. Naquele cantinho à beira-mar plantado vivem sete pessoas. Sim, sete! Numa urgência de vida ou morte, vai um helicóptero, se necessário. Numa situação normal, vem um barco para levar quem precisa de ir ao local mais próximo.

É lindo para visitar. Muito mesmo… Mas se quiser lá passar uns dias, ouvi dizer que o único Airbnb pode ter um período de dois a três anos de espera. O que vos recomendo? Um passeio de barco com regresso a Rapallo, onde ficámos.

Apaixona-me Itália!

Deixe uma resposta

Follow @ Instagram

Siga-me!