Cristina Amaro
Está a ler

Empoderar a transformação

6
As pessoas

Empoderar a transformação

Empoderar a transformação

Por Cristina Amaro

A chuva fechou o encontro anual da equipa. A mesma que nos trouxe até Ota, na zona de Alenquer, onde este ano decidimos juntar as pessoas que fazem a nossa empresa, que dão alma às nossas marcas.

Mas a chuva não tirou a graça à Quinta da Torre, Casas de Campo. Muito pelo contrário. As lareiras e os ambientes aquecidos ajudam a que os lugares se tornem mágicos e este é um lugar em que o frio e a chuva se encaixam bem. Tem atributos que quem vive na cidade valoriza e nós adorámos! É tranquilo (aqui consegue mesmo ouvir-se o som do silêncio…), permite absoluta exclusividade do espaço (este ano foi só para nós e até DJ privado tivemos!) e o contacto com cavalos (que todos adorámos), com a terra (finalmente molhada com uma chuva que é sempre tão chata quanto abençoada), fica próximo de Lisboa (a menos de 1 hora) e ainda se permite adaptar ao que queremos que ele seja naquele período de tempo que o ocupamos. E, no nosso caso, a Quinta foi tudo o que queríamos que fosse em versão trabalho e em versão lazer.

Num fim de semana de alerta vermelho por causa do frio e da chuva, posso dizer que no meio dos 5 graus que apanhámos na noite de sexta feira, até fomos abençoados! No sábado, em dia de atividades exteriores, foi bom ver a equipa a aproveitar os intervalos para se bronzear com o sol de inverno e jogar à bola como se não houvesse amanhã! Tivemos tempo e espaço para tudo. Trabalhámos mas também nos divertimos muito, o que ajuda ao espírito de união. Os pormenores ficam na House, mas posso garantir que valeu mesmo a pena.

Empoderar a transformação

Público torna-se o nosso desejo de vencer. Publicamente afirmo que a equipa está pronta para os desafios que tem pela frente. Publicamente reforço que a transformação começou em nós, há 2 anos, e que finalmente está a chegar onde sabíamos que era preciso estar. Muita coisa acontece num estalar de dedos, mas mudar uma equipa sem dar tempo para que essa mudança aconteça não é coisa em que eu acredite. A nossa continua num processo de melhoria permanente. Mas mais unida do que nunca.

Foi bom termos tido tempo e espaço para falar, para jogar, para refletir. Para abraçar, para brincar, para dançar. Para cozinhar e até para dormir! Coisa que todos temos em défice há uns tempos…

Empoderar a transformação

Este era um momento de iluminar o caminho. De lembrar para onde vamos, como e com quem. Um momento de balanço e de preparar o arranque da próxima caminhada. A nossa, que queremos que seja longa. Bonita. Marcada pelo sucesso. É por isso e para isso que trabalhamos todos os dias. Foi por isso e para isso que pedimos à Anabela Chastre e ao César Ferreira (o nosso biblioterapeuta que escreve no meu blog) que nos levassem umas palavras inspiradoras neste momento de transformação. E foram fantásticos! Toda a equipa o foi. Toda a equipa o é!

Empoderar a transformação

Como diz o César, somos todos e cada um de nós extraordinários!

Deixe uma resposta

Follow @ Instagram

Siga-me!