Cristina Amaro
Está a ler

A preocupação excessiva com uma alimentação saudável

0
A vida

A preocupação excessiva com uma alimentação saudável

A preocupação excessiva com uma alimentação saudável
Beatriz Vieira
Por Beatriz Vieira, Nutricionista na Clínica de Stº  António, Grupo Lusíadas Saúde

A ortorexia define-se como um comportamento obsessivo com a qualidade dos alimentos e com a “pureza” da dieta, o que leva estes indivíduos a ingerirem apenas alimentos considerados “politicamente corretos e saudáveis”. O termo deriva das palavras gregas “orthos” (correto) e “orexia” (apetite). 

Esta preocupação excessiva com uma alimentação saudável conduz a uma dieta muito restritiva, que pode levar à carência de determinados nutrientes e colocar em risco a saúde destes indivíduos. Além do provável desenvolvimento de deficiências nutricionais, um aporte energético e nutricional insuficiente conduz a uma perda de peso e, consequentemente, a um estado de malnutrição. 

A nível social, esta atitute perante a alimentação e a existência de regras rígidas sobre o estilo de vida pode promover o afastamento destes indivíduos da sociedade, impactando assim a sua a vida social. Além disso, este comportamento pode ser um fator de ansiedade, que pode contribuir para o aparecimento de perturbações do comportamento alimentar. 

A intervenção multidisciplinar é crucial no tratamento da ortorexia e, para isso, é importante que todos os profissionais de saúde tenham presente a condição clínica de ortorexia. Uma anamnese abrangente e detalhada pode revelar sintomas sugestivos de ortorexia e permitir a sua identificação e tratamento. 

Na área da nutrição, é importante fornecer bases para seguir uma alimentação variada e completa e desmistificar ideias. Nos dias de hoje, somos bombardeados constantemente com informações/alegações/mensagens sobre alimentação e nutrição nas redes sociais e de comunicação. Contudo, é importante capacitar e esclarecer certas ideias. Cada indivíduo é um caso específico e a abordagem deve ser sempre personalizada. 

Concluindo, todos sabemos que é importante manter uma alimentação saudável, o mais variada e completa possível para promover um bom estado de saúde e prevenir doenças. No entanto, uma preocupação excessiva com a qualidade e natureza dos alimentos pode dar origem a comportamentos obsessivos e comprometer a saúde física e mental.

Deixe uma resposta

Follow @ Instagram

Siga-me!