Cristina Amaro
Está a ler

A líder que trata a L’OREAL por tu

0
As pessoas

A líder que trata a L’OREAL por tu

Conhecemo-nos entre um copo de sumo de laranja e um café. Estávamos no Pestana Palace, no salão Valle Flôr, que só por si é uma inspiração, e a meio de um almoço informal para o qual fui convidada, juntamente com outros colegas do jornalismo. Alguns já não via há algum tempo e até isso soube bem.
O convite foi feito pela L’Oréal Portugal, que organizou um encontro para conhecermos melhor a nova equipa de gestão. A CEO e os diretores de divisão. Primeiro os factos, que nós, jornalistas, perseguimos. Depois a conversa descontraída para nos conhecermos todos melhor. 

Foi aqui que, entre um copo de sumo e um café, me entreguei à conversa com Cátia Martins. A nova CEO que já tinha visto em palco, há alguns meses, na conferência da APAN. Tinha ficado com boa impressão. Jovem. Dinâmica. Determinada no discurso. Apaixonada pelo mundo que representam as suas 34 marcas de portefólio. 

O que não sabia, e a própria me disse, é que nós somos fruto do mesmo curso e da mesma faculdade. Eu saí. Ela entrou. Fomos para mundos diferentes, o que revela bem a capacidade de quem sai da Escola Superior de Comunicação Social. “A minha escolinha”, como sempre me dirijo a “ela” quando passo na 2ª Circular. Foi boa a conversa. Rápida mas boa. Acho que aqui invertemos os papéis, já que fui eu que respondi a algumas perguntas que lhe permitiram perceber o que andei a fazer nestes últimos 20 anos. 

A Cátia também já conta com quase duas décadas no mundo empresarial. A casa dela sempre foi a L’Oréal. E que carreira ela tem feito! De Portugal foi para Paris. Depois para o Brasil e Itália, até que regressou a Lisboa. Não consegui perguntar-lhe hoje, neste almoço, se o fez por saudades, porque não quis monopolizar a conversa, mas há duas perguntas que tenho para lhe fazer numa entrevista que já está apalavrada para breve, esta e uma outra: É por escolha ou coincidência a sua equipa de gestão ser toda liderada por homens? 

Sejam lá o que forem as respostas, a L’Oréal tem visão e projetos para o futuro. Talvez seja este lado de permanente desafio o que mais nos incute aquele curso. Para a CEO da L’Oréal, esta gigante empresa, que é hoje o quinto maior anunciante do mundo, é uma constante startup. O melhor está ainda por vir? 

Apaixonam-me as pessoas.

Deixe uma resposta

Follow @ Instagram

Siga-me!